Twitter

28 de dez de 2008

Tudo aos poucos


Mais um pouco de mim fica, fica feliz
Mais um pouco de minha razão se enche
Enche de sentindo, mais um pouco estou completo
Completo de felicidade
Mais um pouco eu me levanto
Levanto-me do que eu não acreditava que ia levantar
Mais um pouco do meu coração palpita
Palpita de emoção
Mais um pouco do que eu já tinha desistido
Eu conquistei sem perceber
Mais um pouco do que ficou para traz
Estou relembrando que fui feliz e estou voltando a ser
Mais um pouco da minha liberdade foi conquistada
Vivia preso em algo que não me fazia bem
Mas tudo isso esta chegando aos poucos
Como manda a vida
Como uma coisa leve que flutua pelo ar
Como se fosse algo pequeno se tornando grandioso
Como eu ando em um rumo certo
Traçado em linhas retas
E juntando todos esses poucos
Se torna grandiosa a minha razão de viver.


Por Márcio Poeta

Related Posts with Thumbnails

  © By Poesia - Todos os direitos reservados.

Tecnologia - Blogger | Modificado por - Márcio Ferreira