Twitter

25 de jun de 2010

Um momento ausente

ausencia

Eu me vi ausente de expectativas
E não conseguindo achar a saída
Desse meu momentâneo distúrbio
Aqui agora em uma sala escura
Seria mais uma solidão
E dentro de mim senti
O coração palpitar sem força
E aquele leve batimento
Foi me revelando um fraco
Perante aquele estranho sentimento
O que percebi é que não estava exatamente ali
Só enfrentei por mim
Vendo a distancia que me encontrava
De tão perto a dor não sarava
Querendo mais enfrentar tudo
Que na cabeça passava
Resolvi me expressar
E com isso tive um sonho acordado
Também percebi que a solidão
Da a sensação de nunca acabar
Fiquei contando as horas
E tudo que eu fazia
Por um bom tempo eu via a demora
Por que é insuportável estar sozinho
É amargo o gosto que desce pela garganta
Não quero mais me sentir assim

Por Márcio Ferreira

Related Posts with Thumbnails

  © By Poesia - Todos os direitos reservados.

Tecnologia - Blogger | Modificado por - Márcio Ferreira