Twitter

5 de dez de 2008

Louca paixão


Não posso adivinha se existe paixão apenas enxergar
Que há algo no seu coração e alem de enxergar eu posso
Perceber que você me ama sendo do seu jeito que olhar
Você me dá de desejo eu vejo
O mínimo que posso fazer é corresponder essa paixão
Louco desejo eu também tenho igual ao que vejo em
Seu corpo é de arrepiar esquentar a pele esse seu jeito
De me amar
É só o que peço me fazer feliz com seus gestos
De carinho eu compartilho somente com você
Minha louca paixão, meus olhos só enxergam você
E com você eu quero viver sem cessar e nem desanimar
O suficiente eu tenho de você seu olhar para mim
Anima meu viver e feliz eu me encontro sem ilusão
Com delírio de paixão, amor e desejos
Por te amar vivo a sonhar e para mim tu és a flor
Que se plantou em meu jardim e regá-la devo fazer
Para que não murche nosso amor.

Por Márcio Poeta
Related Posts with Thumbnails

  © By Poesia - Todos os direitos reservados.

Tecnologia - Blogger | Modificado por - Márcio Ferreira