Twitter

22 de jul de 2009

Sentimento Doido

Marcinho, não sou muito adepta a escrever poemas, as vezes me arrisco e até consigo. Costumo escrever mais crônicas e contos. No entanto, segue uma poesia abaixo:


Sentimento estranho, inexplicável e forte;
Surge de repente e nem depende de sorte;
Invade a alma, os póros, a mente e o coração;
Que nos faz pensar em loucuras e não sentimos os pés no chão;
Perdemos o controle, num momento há vontade de sorrir, noutro chorar;
Gera ciúmes e desconforto, é difícil suportar!
Sentimento doido esse que nos leva embora a razão;
Ainda assim é prazeroso de sentir, estou falando de paixão.

Related Posts with Thumbnails

  © By Poesia - Todos os direitos reservados.

Tecnologia - Blogger | Modificado por - Márcio Ferreira