"Jorge Aragão" Poeta, Compositor ou Cantor?

Muitas vezes já ouvi falar ao ser apresentado o grande Jorge Aragão sempre o apresenta assim, "O poeta do Samba" por suas musicas que ficam marcadas nos corações de muita gente e suas obras aplicam-se no romantismo e fala mansa que o próprio artista tem, uma vez perdi a oportunidade de conhecer seu show e muitos amigos meus foi e voltaram eufóricos com a qualidade que é a mim sobrou o arrependimento de não ter ido, mas haverá outras oportunidades e com certeza não perderei ai segue uma de suas obras pra quem gosta de curtir um "pagode romântico" é só clicar no play abaixo...

Abuso de Poder
Jorge Aragão
Composição: Jorge Aragão 

Lalalaiálaiálalalaiá
Lalalaiálaiálalalaiá
Lalalaiálaiálalalaiá...(2x)

Eu disse a você
Que eu tinha um amor
Quem foi que mandou
Você me desejar
Também adorei
O que você gostou
A gente podia
Até continuar...

Mas só que você
Me quer prá você
E só com você
Eu não posso ficar
Porque minha outra metade
Na certa vai me procurar...

Eu disse!
Eu disse a você
Que eu tinha um amor
Quem foi que mandou
Você me desejar
Também adorei
O que você gostou
A gente podia
Até continuar...

Mas só que você
Me quer prá você
E só com você
Eu não posso ficar
Porque minha outra metade
Na certa vai me procurar...

Pois esse amor
Fez história no meu coração
De mansinho foi ganhando o chão
Um tesouro de não se perder...

E vem você
Com esse corpo
Quente de vulcão
Com esse beijo
Doce tentação
Com esse abuso de poder...

Você não pode me crucificar
E por favor
Não me faça escolher
Que eu tenho um medo
Danado de te perder...(2x)

Eu disse!
Eu disse a você
Que eu tinha um amor
Quem foi que mandou
Você me desejar
Também adorei
O que você gostou
A gente podia
Até continuar...

Mas só que você
Me quer prá você
E só com você
Eu não posso ficar
Porque minha outra metade
Na certa vai me procurar...

Pois esse amor
Fez história no meu coração
De mansinho foi ganhando o chão
Um tesouro de não se perder...

E vem você
Com esse corpo
Quente de vulcão
Com esse beijo
Doce tentação
Com esse abuso de poder...

Você não pode me crucificar
E por favor
Não me faça escolher
Que eu tenho um medo
Danado de te perder...(2x)

Lalalaiálaiálalalaiá
Lalalaiálaiálalalaiá
Lalalaiálaiálalalaiá
Eu tenho medo danado
De te perder...(2x)

Compartilhar:
← Anterior Proxima → Inicio

Seguidores

Google+ seguidores

Total de visualizações

Mario Quintana

O TRÁGICO DILEMA: Quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é porque um dos dois é burro.

AMAR: Fechei os olhos para não te ver e a minha boca para não dizer... E dos meus olhos fechados desceram lágrimas que não enxuguei, e da minha boca fechada nasceram sussurros e palavras mudas que te dediquei... O amor é quando a gente mora um no outro.

BILHETE: Se tu me amas, ama-me baixinho Não o grites de cima dos telhados Deixa em paz os passarinhos Deixa em paz a mim! Se me queres, enfim, tem de ser bem devagarinho, Amada, que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...

Por Mario Quintana

Veja outros autores em: Pensador.Info

VEM DO CORAÇÃO

Há um sentimento para contemplar, como encontrar palavras que expressa o sentimento continuo e duradouro, somente os gestos, olhares, carinhos e até mesmo o silêncio poderá explicar o que sinto, para quem corresponde será um bom entendedor.

Márcio Ferreira

Tecnologia do Blogger.

Postagens populares

email newsletter