Desejo


Arvores em meio ao vento
Balançando suas folhas, vento calmo
Extravagante os pássaros por entre elas, as folhas
Em pleno verão para se deixar levar pela emoção
Mais inspiração que se possa ter ao ver uma cena de paixão
E lá sentar-se e admirar o acaso do coração, uma coisa
Já mais vista por alguém é ter a sua própria certeza em seus próprios
Pensamentos deixa te levar ao extremo amor, isso você próprio pode ver
Há si mesmo pode acontecer tal coisa grandiosa e sem explicação
Clareando seus caminhos nessa iluminação de desejos
Em estar ao seu alcance o amor em que você pede para ter
Ao tocar espalha, contagia e se mistura em seu corpo
Juntando a alma calma e faceira, tanta emoção que vive
O coração do apaixonado.

Alguns de meus poemas em PDF!

Compartilhar:
← Anterior Proxima → Inicio

Seguidores

Google+ seguidores

Total de visualizações

Mario Quintana

O TRÁGICO DILEMA: Quando alguém pergunta a um autor o que este quis dizer, é porque um dos dois é burro.

AMAR: Fechei os olhos para não te ver e a minha boca para não dizer... E dos meus olhos fechados desceram lágrimas que não enxuguei, e da minha boca fechada nasceram sussurros e palavras mudas que te dediquei... O amor é quando a gente mora um no outro.

BILHETE: Se tu me amas, ama-me baixinho Não o grites de cima dos telhados Deixa em paz os passarinhos Deixa em paz a mim! Se me queres, enfim, tem de ser bem devagarinho, Amada, que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...

Por Mario Quintana

Veja outros autores em: Pensador.Info

VEM DO CORAÇÃO

Há um sentimento para contemplar, como encontrar palavras que expressa o sentimento continuo e duradouro, somente os gestos, olhares, carinhos e até mesmo o silêncio poderá explicar o que sinto, para quem corresponde será um bom entendedor.

Márcio Ferreira

Tecnologia do Blogger.

Postagens populares

email newsletter