Twitter

18 de fev de 2009

Coisas boas

melhor

Faço em versos o que sinto para transmitir ao mundo
O que eu posso sentir até mesmo deixar para refletir
Coisas boas que entram no coração, mas sem deixar
Vestígios do que possa ter magoado e mesmo assim
Eu consigo sorrir lembrando-se de mim, primeiro pensando
Nas aventuras em que passei (boas aventuras) deixando
Meu momento de alegria contagiar meu corpo
Ate pular eu pulei e mesmo assim não me enganei
Com amor inibido não me atrapalhou
Nem me deixou sem esperança que poderia eu ficar
Muita paixão é a cura da desilusão é como um remédio
Infalível que tira a angustia como se fosse com a mão
São esses meus pensamentos em que me vejo às vezes
E sempre vou me deixar levar pelo que me faz bem é assim
Que deve ser não segurar a emoção do amor em mim.

Related Posts with Thumbnails

  © By Poesia - Todos os direitos reservados.

Tecnologia - Blogger | Modificado por - Márcio Ferreira